sexta-feira, 14 de março de 2014

SORTEIO LITERÁRIO: "Heroína" de Helena Duque

Boa tarde! Espero que estejam bem. Hoje publico mais cedo porque este post é especial, e não estando eu em casa (estou a fazer de cobaia da Sara... depois percebem), achei por bem começar cedo.

Este sorteio é especial porque consegui a minha parceria com uma editora, e quem ganha com isso são vocês!

Depois do sucesso dos lançamentos de livros de duas meninas que me são muito queridas, a Sara e a Helena, decidi encetar uma parceria com a editora delas, a Chiado Editora. E como esta editora é perita em conceder oportunidades, o meu primeiro evento conjunto com eles é um sorteio.

E não é um sorteio qualquer - tenho 1 exemplar do livro "Heroína", da queridíssimo super-blogger Helena Duque para oferecer!
Para quem não conheça, aqui fica um cheirinho do que trata este livro:
"Quando Maria Alice de Castro enfrenta uma nova fase da sua vida, o seu mundo sofre uma acidentada reviravolta com um reencontro inesperado. De olhos azuis, cabelos loiros e uma postura vincada, Ricardo Martins surge com os fantasmas antigos e revela-se tão irresistível como ela se lembrava. No entanto, Ricardo faz parte de um passado que Maria Alice deseja esquecer por todos os transtornos que sofreu desde então.
 O que Maria não compreende é que, por trás daqueles acontecimentos obscuros que partilhou com Ricardo, existe uma história que pode justificar as acções que tanto a magoaram.
 Presa a um presente idílico, recusa-se a ouvir a voz do passado – e, quando ela menos espera, pode ser tarde de mais para voltar atrás nas suas decisões."

Para ganharem este livro têm de cumprir, até dia 28 de março, 3 tarefas muito simples, no  formulário abaixo:

  1. Seguir o meu blogue
  2. Seguir o blogue da Helena
  3. E deixar um comentário com a resposta à pergunta feita.
O vencedor será anunciado no fim do sorteio e receberá uma cópia do livro, enviada pela Chiado Editora, a quem desde já agradeço a oportunidade.

Boa sorte!

xoxo



a Rafflecopter giveaway

24 comentários:

  1. Há muitas mulheres que eu admiro (por exemplo, a minha mãe!). Mas gostava de ser a minha própria heroína, um dia. Para já isso ainda não acontece :p

    A participar :D

    ResponderEliminar
  2. Adimiro muito a minha mãe! :) a minha irmã.. acho que elas as duas são as minhas heroínas!
    Parabéns pelo passatempo. Está excelente!

    ResponderEliminar
  3. A minha heroína foi e continuará ser sempre a minha avó. Deu-me uma mãe cheia de força e capaz de aguentar tudo na vida. Pode estar com o peso do mundo às costas que nunca desaponta ninguém. A minha heroína, consequentemente, também é a minha mãe :) Ela ensina-me a ser mulher e lutar por aquilo que quero!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. A minha principal heroina é a minha mãe pois criou-me a mim e ao meu irmão sozinha! É uma mulher com muita força e coragem!

    beijinhos
    http://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Vou ser sincera. Não tenho uma heroína portanto não posso mesmo responder à pergunta :p

    ResponderEliminar
  6. Sem sombra de dúvidas é a minha avó por ter criado a mim e meu irmão mesmo quando temos uma mãe, mas esta nunca nos colocou em primeiro ligar de sua vida e sim os namorados, as amigas... Qualquer um sempre foi mais importante para ela do que a família. Então, minha avó é minha heroína, sem ela eu não sei o que teria sido de mim, mas provavelmente teria sido uma criança deixada sozinha em casa por várias horas cuidando de seu irmãozinho, uma criança esquecida pela própria mãe.

    http://worldbehindmywall.fanzoom.net/

    ResponderEliminar
  7. Na verdade não tenho nenhuma heroína :P

    ResponderEliminar
  8. A minha mãe, que cuidou de mim sozinha depois de o meu pai falecer e fez de mim uma mulher forte. :)

    ResponderEliminar
  9. a minha mae...passamos por muito e ela foi uma lutadora e passou imenso para termos o que temos agora e pelo meu bem estar nao olhando para ela sem duvida nenhuma que e e sempre sera ela
    bjinhu*

    ps eu tambem quero comprar o 230 e o 132 que vi fotos e fiquei encantada

    ResponderEliminar
  10. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderEliminar
  11. Era a minha Avó, que já cá não está .

    ResponderEliminar
  12. A minha heroina sem dúvida é a minha mãe.
    O meu pai sempre teve um trabalho de estar ausente da familia, visto andar no mar e a minha mãe foi pai e mãe para mim e para o meu irmão.
    Nunca, nos deixou faltar nada e deu-nos algo muito importante principios e educação!


    Beijinhos
    http://pinkstarnailsanastacia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Sem duvidas as minhas heroínas são a minha mãe e a minha avó :)

    ResponderEliminar
  14. Tenho 2 heroínas na minha vida, a minha mãe e a minha irmã. Todos os dias fazem sacrifícios, são pessoas muito fortes e isso merece o meu maior respeito e admiração.

    ResponderEliminar
  15. A minha mãe e a minha avó ! Sem dúvidas!!! Pena a minha avó já não estar cá, aprendi muito com ela!
    :'(
    Belo passatempo!
    Beijocas
    :-)

    ResponderEliminar
  16. De há alguns dias (ou mesmo semanas) para cá não dá para aderir nem iniciar sessão no GFC... Como faço?

    ResponderEliminar
  17. @kassie eu espero que consigas ver isto porque parece que não tens blog, e eu não consigo responder comentários diretamente, mas eu expliquei o que podes fazer ontem neste post: http://tehteh25.blogspot.pt/2014/03/peep-toes-are-baaaaaaaack.html

    xoxo

    ResponderEliminar
  18. Sinceramente já tive heroínas. Mas infelizmente elas desiludiram-me e muito, ao ponto de não confiar. A partir daí deixei de ter.

    A participar!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. a minha heroina e sem duvida a minha avo, e uma grande mulher, que conseguiu cuidar sempre de mim e dos meus irmaos :D
    beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Não tenho heroínas, mas cruzo-me com pessoas que diariamente são heroínas da sua própria vida!

    ResponderEliminar
  21. A minha heroína é a minha mãe, mulher de garra, que não desiste dela nem de quem se cruza na vida dela. Uma lutadora doce. Das mais verdadeiras.

    ResponderEliminar